Isso é uma vergonha, sim!

--- 2016-impeatchman-Vergonha-PoliticosMalFormados-728

A VERGONHA AUMENTA A CADA DIA QUE PASSA
A formação de nossos políticos deixa muito a desejar

Se compararmos a formação dos nossos governantes com os de outros países, dos presidentes do Brasil com os de outros presidentes com
os nossos atuais, ficaremos rubros de vergonha… a formação da atual presidente e seu antecessor são o cúmulo para quem quer governar um país com as dimensões do nosso…

Culpada a nossa legislação que permite analfabetos se candidatarem a cargos eletivos sem a devida formação que o cargo exige; culpado o povo que, por ignorância e por querer ser favorecido ilegalmente, que vota nesse tipo de candidato, com a desculpa que “é gente do povo”… é coisa nenhuma!
Quando a gente sabe que num município como o nosso um vereador, que só aparece na Câmara em dias de reunião (isso em duas vezes por mês) recebe um salário polpudo de cerca de cinco salários mínimos e não faz absolutamente nada pelo município e pelo povo que dá voto a eles, a gente sente vergonha disso.
Por sorte nossa, nos últimos anos, tivemos um prefeito que tem formação, cultura, que gosta de sua terra e que deu tudo de si para elevar o nome de Ipanema para o mundo com suas obras, seu conhecimento e vontade de fazer pelo município.

Alguém dirá que “não fez mais que sua obrigação”, e tem razão! Mas quantos outros tiveram as mesmas oportunidades, tiveram o governo nas mãos e não fizeram nada?
Uns por incompetência, outros por falta de conhecimento, outros por serem corruptos e só querer tirar benefício do cargo. Isso, por certo, cabe também à maioria dos nossos edis. A maioria, como já disse em outra ocasião, hibernam por três anos e meio e, faltando seis meses para a eleição, aparecem, saem das cavernas e passam a dar tapinhas nas costas dos possíveis eleitores, como se isso bastasse!

Fazendo uma comparação dos nossos presidentes recentes com presidentes de outros países, vimos o seguinte quadro:
– Barack Obama, presidente dos Estados Unidos, é Advogado;
– Benjamin Netanyahu, primeiro ministro de Israel, é Arquiteto e Mestre em Administração;
– François Hollande, presidente da França, é Conselheiro no Tribunal de Contas da França.
– Angela Dorothea Merkel, primeira ministro da Alemanha, possue Doutorado de Fisica e Quimica;
– David Cameron, primeiro ministro da Inglaterra, estudou Filosofia, Política e Economia;
– Luis Inácio Lula da Silva, foi presidente do Brasil por 8 anos, tem só a 4° série, e até pouco tempo, não sabia nem assinar o próprio nome, roubou o Brasil, e está milionário.
– Dilma Vana Rousseff, mentiu que é formada em Economia, participou do assassinato de pessoas, participou do assalto ao Banco Mercantil de São Paulo, cometeu vários atos terroristas, além de acabar com a Economia do país e fazer com que mais de 12 milhões de pessoas ficassem sem empregos.

Aí eu pergunto: O que você queria? Uma super potência econômica?
Em qualquer pais sério do mundo, esta senhora e este senhor, estariam na cadeia e não no comando de uma nação!

Espero que depois de tudo isso que estamos vivendo, com lágrimas e sangue, alguém faça uma lei, proibindo pessoas com o currículo da senhora Dilma Vana Roussef ou de Lula, de ser candidato a qualquer cargo público e, principalmente, Presidente do Brasil. (CV-Buragula)

CUT não irá a Brasília apoiar Dilma

Aprenda de uma vez que... (Dilma no quadro)

Por falta de dinheiro, CUT não irá a Brasília apoiar Dilma
Ideologia do PT custa uma boa grana, ou acham que era de graça?

A crise que o brasileiro está vivendo chegou, enfim, aos que comandam (ou comandavam) as badernas patrocinadas pelos tais “movimentos sociais” tão defendidos por Lula, Dilma e seus ”cumpanheros”… Note-se que, enquanto a economia despencava e o desemprego explodia, os protestos “a favor de Dilma” bombavam. Não faltava gente, material, carros de som, ônibus, dinheiro e pão com mortadela. E agora? Eles também foram, afinal, atingidos pelo descalabro econômico, criado pelo próprio comando do país (leia-se Dilma/Lula).

E esse negócio de “país dividido”, tão alardeado pelos petistas com base na presença em passeatas e manifestações sempre foi balela. Note-se que o número de militantes nas passeatas ou atos a favor do PT ou de Dilma de milhares de participantes, hoje quando há algum movimento, apenas alguns “apaixonados” pela estrela vermelha comparecem.
Ninguém quer ir para as ruas de graça. Tem que ter dim-dim!

Nesta segunda-feira, quando será votado o destino final da presidente afastada, a CUT avisa ao PT que não tem dinheiro para lotar ônibus e levar os “militantes” em apoio a Dilma. Sem dinheiro não tem manifestação! O engraçado de tudo é que falta dinheiro para eles justamente quando o PT deixou de governar o país. Será que tem algum segredo nisso?

Será que alguém se habilita em doar alguns milhares de reais para centenas de pessoas irem ao ato em Brasília? Acho que nem mesmo fazendo uma vaquinha (como é praxe dos petistas) irão conseguir alguma coisa de vulto. Caíram no descrédito até mesmo de seus parceiros. Prova inconteste de que sempre se pagou (com dinheiro público) para que houvesse quem fizesse barulho, bagunça, depredação e outras atitudes bem a caráter do PT. (Claudio Vianei)

Marketing do ‘queijão’ em Ipanema?

--- ---queijoEdoce

Sugestão de um amigo do Rio de Janeiro:
Fazer marketing do ‘queijão’ na Praia de Ipanema!

No dia 7 de agosto, o meu amigo, colega de profissão, Silvio Fernando, envolvido com as coisas do seu bairro Campo Grande (e, por que não, meu também, né?), manda mensagem elogiando o nosso grande, hiper-queijo (como ele diz) e faz sugestões e alusões, também, a respeito da nossa maior iguaria ipanemense que é o nosso queijo, que está mundialmente famoso, não só pelo tamanho (enorme), mas pelo sabor incomparável!
Vejam só o que o Silvio diz…

“Fala, Vianei meu grande amigo! Mesmo com muito atraso, creio que será sempre tempo de parabenizar a cidade de Ipanema, através da sua representativa pessoa, pelo novo recorde do maior queijo do mundo! Lindo isso!

PS: Podiam trazer um pedaço desse hiper-queijo pra fazer um marketing aqui na Praia de Ipanema, para o Brasil e o mundo, inclusive exibindo em um telão as imagens aí da cidade… O que acha da ideia?… Aqui, o queijo ficaria cercado pelas sereias ipanemenses (ao som de Garota de Ipanema), captou?

… afinal de contas, queijo tem a ver com mulher bonita, cheirosa, macia e gostosa, não tem não? Ela também é boa de comer, e como ele, acompanhado do pão e do vinho, tem sempre boas companhias masculinas! Hehehehe… Viaje nessa maionese, quer dizer, nesse queijo, mano véio… Abraços!”

Mas eu acho que quem está viajando na maionese é ele que deve estar com a boca cheia d’água por não ter provado nosso ‘queijão’… Ele esqueceu de falar no maior doce de leite e da queimadinha mineira… Mas, aí de Campo Grande, amigo, estiveram várias pessoas provando e aprovando nosso queijo, doce de leite e a queimadinha… Agora, vê se no próximo ano aparece por aqui… para conferir tudo o que comentou!
Ah, as mulheres daqui são lindas, viu?! (Buragula)

OS ESCÂNDALOS PELO PAÍS

--- LulaReiDosscandalos-850

OS ESCÂNDALOS PELO PAÍS
Cada governo teve sua parcela

É vergonhoso estarmos falando disso, mas não temos outro jeito. Os caras roubam descaradamente do cidadão que paga seus impostos, que já vem imbutidos nos preços de tudo que ele compra e que não tem como fugir deles… Só que esses canalhas tem cobertura das próprias leies que eles fazem e não dão chance ao cidadão para se defender.
O cidadão, que é usurpado, se comete um delito qualquer, não tem chance: ou vai pra cadeia e mofa lá porque a justiça gratuita só funciona para meia dúzia que sabe dos seus direitos, ou tem que pagar caro a um advogado particular para não ir em cana; mas se o caso é com esses bandidos, que são eleitos pelo mesmo cidadão, o caso é diferente: tem grana para pagar advogados caríssimos (tipo R$ 40 mil por dia) e ficam soltos, mesmo com a comprovação de seus crimes… Colocam neles umas tornozeleiras (que ninguém sabe se funciona de verdade) e eles ficam ”de boa” andanado por aí, gastando o que ganharam (roubaram) do povo do Brasil…
Não teve ninguém ”santo” nos últimos 30 anos. Em todos os governos nesse período houve casos de corrupção, mas no de Lula a coisa ficou feia. Foram mais de 100 (cem) registros! Ele foi imbatível! Vejam só a seguir…

Uma pequena amostra dos escândalos
acontecidos durante o GOVERNO LULA

1. Caso Pinheiro Landim
2. Caso Celso Daniel
3. Caso Toninho do PT
4. Escândalo dos Grampos Contra Políticos da Bahia

5. Escândalo do Proprinoduto
(também conhecido como Caso Rodrigo Silveirinha )

6. CPI do Banestado
7. Escândalo da Suposta Ligação do PT com o MST
8. Escândalo da Suposta Ligação do PT com a FARC
9. Privatização das Estatais no Primeiro Ano do Governo Lula
10. Escândalo dos Gastos Públicos dos Ministros
11. Irregularidades do Fome Zero

12. Escândalo do DNIT
(envolvendo os ministros Anderson Adauto e Sérgio Pimentel)

13. Escândalo do Ministério do Trabalho
14. Licitação Para a Compra de Gêneros Básicos

15. Caso Agnelo Queiroz
(O ministro recebeu diárias do COB para os Jogos Panamericanos)

16. Escândalo do Ministério dos Esportes
(Uso da estrutura do ministério para organizar a festa de aniversário do ministro Agnelo Queizoz)

17. Operação Anaconda
18. Escândalo dos Gafanhotos
(ou Máfia dos Gafanhotos)
19. Caso José Eduardo Dutra
20. Escândalo dos Frangos (em Roraima)

21. Várias Aberturas de Licitações da Presidência da República
(Para a Compra de Artigos de Luxo)

22. Escândalo da Norospar
(Associação Beneficente de Saúde do Noroeste do Paraná)

23. Expulsão dos Políticos do PT

24. Escândalo dos Bingos
(Primeira grave crise política do governo Lula) (ou Caso Waldomiro Diniz)

25. Lei de Responsabilidade Fiscal
(Recuos do governo federal da LRF)

26. Escândalo da ONG Ágora

27. Escândalo dos Corpos
(Licitação do Governo Federal para a compra de 750 copos de cristal para vinho, champagne, licor e whisky)

28. Caso Henrique Meirelles

29. Caso Luiz Augusto Candiota
(Diretor de Política Monetária do BC, é acusado de movimentar as contas no exterior e demitido por não explicar a movimentação)

30. Caso Cássio Caseb
31. Caso Kroll
32. Conselho Federal de Jornalismo
33. Escândalo dos Vampiros
34. Escândalo das Fotos de Herzog
35. Uso dos Ministros dos Assessores em Campanha Eleitoral de 2004

36. Escândalo do PTB
(Oferecimento do PT para ter apoio do PTB em troca de cargos, material de campanha e R$ 150 mil reais a cada deputado)

37. Caso Antônio Celso Cipriani
38. Irregularidades na Bolsa-Escola
39. Caso Flamarion Portela
40. Irregularidades na Bolsa-Família
41. Escândalo de Cartões de Crédito Corporativos da Presidência

42. Irregularidades do Programa Restaurante Popular
(Projeto de restaurantes populares beneficia prefeituras administradas pelo PT)

43. Abuso de Medidas Provisórias no Governo Lula
(mais de 300 entre 2003 e 2004)

44. Escândalo dos Correios
(Segunda grave crise política do governo Lula. Também conhecido como Caso Maurício Marinho)

45. Escândalo do IRB
46. Escândalo da Novadata
47. Escândalo da Usina de Itaipu
48. Escândalo das Furnas

49. Escândalo do Mensalão
(Terceira grave crise política do governo. Também conhecido como Mensalão)

50. Escândalo do Leão & Leão
(República de Ribeirão Preto ou Máfia do Lixo ou Caso Leão & Leão)

51. Escândalo da Secom
52. Esquema de Corrupção no Diretório Nacional do PT

53. Escândalo do Brasil Telecom
(também conhecido como Escândalo do Portugal Telecom ou Escândalo da Itália Telecom)

54. Escândalo da CPEM

55. Escândalo da SEBRAE
(ou Caso Paulo Okamotto)

56. Caso Marka/FonteCindam
57. Escândalo dos Dólares na Cueca
58. Escândalo do Banco Santos

59. Escândalo Daniel Dantas – Grupo Opportunity
(ou Caso Daniel Dantas)

60. Escândalo da Interbrazil
61. Caso Toninho da Barcelona

62. Escândalo da Gamecorp-Telemar
(ou Caso Lulinha)

63. Caso dos Dólares de Cuba
64. Doação de Roupas da Lu Alckmin
65. Doação de Terninhos de Marísa da Silva
66. Escândalo da Nossa Caixa

67. Escândalo da Quebra do Sigilo Bancário do Caseiro Francenildo
(Quarta grave crise política do governo Lula. Também conhecido como Caso Francenildo Santos Costa)

68. Escândalo das Cartilhas do PT

69. Escândalo do Banco BMG
(Empréstimos para aposentados)

70. Escândalo do Proer
71. Escândalo dos Fundos de Pensão
72. Escândalo dos Grampos na Abin
73. Escândalo do Foro de São Paulo

74. Esquema do Plano Safra Legal
(Máfia dos Cupins)

75. Escândalo do Mensalinho

76. Escândalo das Vendas de Madeira da Amazônia
(ou Escândalo Ministério do Meio Ambiente).

77. 69 CPIs Abafadas pelo Geraldo Alckmin ( em São Paulo )
78. Escândalo de Corrupção dos Ministros no Governo Lula
79. Crise da Varig

80. Escândalo das Sanguessugas
(Quinta grave crise política do governo Lula. Inicialmente conhecida como Operação Sanguessuga e Escândalo das Ambulâncias)

81. Escândalo dos Gastos de Combustíveis dos Deputados
82. CPI da Imigração Ilegal
83. CPI do Tráfico de Armas
84. Escândalo da Suposta Ligação do PT com o PCC
85. Escândalo da Suposta Ligação do PT com o MLST
86. Operação Confraria
87. Operação Dominó
88. Operação Saúva
89. Escândalo do Vazamento de Informações da Operação Mão-de-Obra

90. Escândalo dos Funcionários Federais
(Empregados que não Trabalhavam)

91. Mensalinho nas Prefeituras do Estado de São Paulo
92. Escândalo dos Grampos no TSE

93. Escândalo do Dossiê
(Sexta grave crise política do governo Lula)

94. ONG Unitrabalho
95. Escândalo da Renascer em Cristo
96. CPI das ONGs
97. Operação Testamento

98. CPI do Apagão Aéreo
( Câmara dos Deputados)

99. Operação Hurricane
(também conhecida Operação Furacão )

100. Operação Navalha
101. Operação Xeque-Mate
102. Escândalo da Venda da Varig…

Lembrando que esses casos foram os mais badalados, os que mais chamaram a atenção da imprensa e do povo de uma maneira geral, mas muitos outros escândalos aconteceram e não tiveram a repercussão desses citados aqui…
Pena que o povo tenha memória tão curta que não tome conhecimento do que acontece no país e, se bobear, voltam a votas nessa mesma cambada numa próxima eleição…

Mas, aí, é passar diploma de ignorante e (sem ofensas ao animal) de burro!  (Buragula)

Cadê os nossos vereadores?

09ago2016-CadeOsVereadores

Cadê os nossos vereadores?

Na segunda-feira, dia 8 de agosto de 2016, aconteceu uma solenidade para entrega de Moção Honrosa aos representantes do Banco do Brasil em Ipanema, pelos seus 50 anos na cidade.

Tudo muito bem organizado, salão da Câmara lotado pelos convidados, ex-funcionários do banco, funcionários atuais, gerente e o superintendente do BB, o vice-prefeito de Ipanema, o prefeito de Taparuba e, apenas, eu disse APENAS, cinco dos onze vereadores do município estavam presentes!

A pergunta que rolou na ocasião foi “cadê os nossos vereadores?”, numa clara evidência de que as pessoas que ali estavam, notaram que algo pairava no ar e que não era nada legal para o momento. Faltavam os outros seis vereadores!

Na minha opinião, ficou feio para os nossos vereadores o não comparecimento deles pois estavam ali apenas Chico de Castro, Edson Bernardino, Alberto Lima, Alex e o presidente Jober Jr., e faltaram Itamar da Ambulância, Neném Gago, Marlúcio Cipó, Marquinhos Professor, Paulo Sérgio e Ary de Paula!

O presidente bem que tentou “justificar” as ausências mas não convenceu, pois quem estava ali sabia que nada tinha o que justificar o não comparecimento de cada um deles. Isso demonstra o grau de comprometimento com as coisas que são aprovadas na Casa e que não são levadas muito a sério.

Alguém poderá dizer que estou errado mas, para quem estava presente, não via dessa maneira pois, como foi comentado, os que não foram  deram uma demonstração de que há algo de podre no ar e que ninguém deles quer deixar escapar…

Ao que tudo indica, as eleições estão chegando e ninguém quer deixar o seu na reta e perder precisos votos! Mas será que funciona esse modo de proceder? Será que o eleitor (que está mais esperto) vai nessa onda? Será que isso garante votos? Eu acho que não, até pelo que ouvi de comentários…

Nossa política precisa mudar; nossos políticos tem que pensar mais no povo que dá voto para eles e se preocupar com o que beneficia os que os elegem e deixar de pensar só na grana que vão receber durante o mandato de quatro anos!

Como já disse, foi uma solenidade bonita, com um brilho especial na noite de segunda-feira. Poucas palavras de quem usou o microfone (mesmo quem está acostumado a se estender nas falas sem dizer coisa com coisa), a confraternização dos funcionários do banco (antigos e recentes) e, na plateia, o primeiro funcionário do banco na cidade, o prefeito de Taparuba, os primeiros clientes do banco (entre eles João Agostinho e o conhecido “seu” Pedrinho Leiteiro).

Pena que alguns vereadores não deixaram que o brilho fosse maior!
(Claudio Vianei – Buragula)

Quem deveria defender quem é direito, se vê no”direito” de defender quem não tem direito!

--- as leis

O trabalhador brasileiro estava sendo feito de idiota!.

Vinha sendo pisoteado pelo partido da “presidenta” e mesmo assim ficava lambendo o saco de petista e endeusando falsos lideres, que só queriam mesmo era tirar proveito da ingenuidade ou, quem sabe, achando que estava “por cima da carne seca” apoiando e gritando os nomes de gente que não tinha e não tem compromisso com o que prometeu ao povo

Cadê os sindicatos não defendem mais o trabalhador, não estão nem ai para o emprego do trabalhador, só sabem mamar nos seus altos salários, pagos pelo trabalhador, e na boquinha fantástica que o governo lhes dava na fabulosa arrecadação em cima do bolso do trabalhador, sem nenhum tipo de fiscalização. O Lula manteve as mordomias dos pelegos e proibiu qualquer tipo de fiscalização nos sindicatos. Virou terra de ninguém, ou melhor, terra só dos petistas da cúpula

O partido deles acabou com os Fundos de Pensão dos trabalhadores. E muitos fundos encontram-se em grandes dificuldades após a rapinagem feita pelos petistas; e esse mesmo partido vinha tirando todos os direitos dos trabalhadores. O sindicalismo num silêncio total! Não querem uma aposentadoria digna para o trabalhador, ao contrario, querem que o trabalhador morra trabalhando.

Há anos não se corrige a tabela do SUS, e o resultado é um atendimento nos hospitais públicos indigno de um trabalhador digno. Muitos brasileiros morrendo por falta de atendimento médico e hospitalar de qualidade.

E a Educação? O que foi prometido em campanha não foi cumprido, ficou só na conversa fiada mesmo. Até hoje estão devendo ao trabalhador e aos seus filhos uma educação de qualidade, que possa gerar um futuro tranquilo a todos. O que fizeram foi banalizar a educação, injetando ideias e ideais comunistas nos currículos escolares; procuraram destruir as famílias de dentro para fora da escola pois os alunos levavam para suas casas o que lhes era (ou ainda é) passado em salas de aula.

Desde que assumiu o poder com Lula, eles vem prometendo creche a todos os filhos das mães que trabalham fora de casa para ajudar no sustento da família e nada. Preferiram jogar dinheiro fora em passeios de limusine, hotéis de alto luxo, restaurantes dos melhores, mordomias outras, do que reservar recursos para a construção de creches dignas aos filhos dos brasileiros trabalhadores.

Prometeram milhares de casas aos pobres trabalhadores do país, mas se deram por satisfeitos enganando o povo com a inauguração de muito poucas unidades a cada ano, ficando só nas costumeiras promessas. Assim fica mais fácil buscar os votos a cada ano daqueles que mesmo sabendo da mentira, ainda acredita na mentira que eles contam
Desde o início do primeiro mandato de Lula, que sempre prometeu o paraíso ao trabalhador brasileiro e, na verdade, colocou o brasileiro foi mesmo no inferno.

Ao assumir governos nos estados e municípios, a mecânica é sempre a mesma. Por exemplo, uma prefeitura como a de São Paulo, quando o prefeito petista assumiu prometeu mundos e fundos.

Educação de primeira, transporte de qualidade e digno ao trabalhador que se desloca todos os dias de seus bairros para a labuta diária. Mas, o que o prefeito fez? Deixou a Educação ficar avacalhada (como queria o seu partido), e mandou o trabalhador andar de bicicleta! E a cidade dele tem como todo trabalhador andar de bicicleta? Ele construiu ciclovias adequadas para isso?

Para não ser mais extenso, basta dar uma pesquisada a quantas anda a credibilidade do partido dos petistas. É a “presidenta” afastada do governo por pedaladas fiscais e corrupção, um ex-presidente gritando aos quatro ventos que o Brasil está falido (mas quem governou por 13 anos foi o partido dele) e querem colocar a culpa no presidente interino…

A inflação está aí corroendo o que o trabalhador ganha e que perde parte dele com os abusivos impostos que se paga nesse país de faz de conta… Aqui o cidadão brasileiro é deixado de lado para que o governo “ajude” países de ideologia comunista (Cuba, Venezuela, Bolívia e outros), sem contar com o dinheiro que foi gasto em competições caríssimas e que foram só para satisfazer o ego de péssimos governantes como é o caso da Copa do Mundo em 2014 e agora a Olimpíada em 2016.

Toda essa grana gasta nisso aí e com os comunas, daria para fazer com que a saúde, a educação, a segurança, a moradia, as estradas estivessem em melhores condições e até, quem sabe, superando as expectativas mais otimistas de cada brasileiro.

Infelizmente vivemos em uma democracia em que os que deveriam defender quem é direito, se vê no”direito” de defender quem não tem direito!

Direitos do cidadão!

impostos-impostos

Detalhar impostos na nota fiscal impulsiona reforma tributária

Direitos que o cidadão tem e que nem sempre são respeitados são uma constante no país. Se nós, os prejudicados, não tomarmos consciência e cobrarmos de quem nos tira parte do que ganhamos e gritarmos por isso, nunca vai mudar nada.
Transcrevo aqui o que o João Elói Olenike publicou na sua coluna, como forma de esclarecer e informar a quem me segue nos meus comentários aqui no “Tudo”… Vejam!

“Desde 1º de janeiro de 2015, todas as empresas com estabelecimento em nosso país têm a obrigatoriedade da transparência fiscal, ou seja, a informação aos consumidores finais da carga tributária incidente nas mercadorias e serviços pagos. A Lei nº 12.741/2012- “De Olho no Imposto” foi sancionada sob a liderança de Guilherme Afif Domingos e com a parceria do IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação).

Na prática, a lei tornou obrigatória a demonstração aproximada ao consumidor do quanto de tributos pagamos em nossas compras de produtos e serviços. Nos documentos fiscais emitidos pelos fornecedores deve constar a informação do valor correspondente à totalidade dos tributos federais, estaduais e municipais. Sem dúvida, esse foi o primeiro passo para os brasileiros entenderem o peso dos tributos e impulsionarem a tão sonhada reforma tributária –urgente e absoluta, já que o Brasil tem um amontoado de impostos que exige alto custo dos contribuintes, gera insegurança e prejudica o crescimento da economia e a distribuição de renda.

Entretanto, passados mais de um ano e meio que a legislação entrou em vigor, atualmente 70% das empresas podem ser multadas pelos serviços de proteção ao consumidor por não terem regularizado sua situação. Ou seja: só 30% das empresas obrigadas a demonstrar o imposto na nota baixaram o programa gratuito disponibilizado pelo IBPT.

É importante ressaltar que o IBPT desenvolveu um sistema de cálculo dos tributos incidentes em cada mercadoria ou serviço existente no país. Sendo assim, varejistas de qualquer empresa podem baixar o programa, após um simples cadastro no site “De Olho no Imposto”, e, a partir daí, informar em suas notas fiscais o valor aproximado dos tributos.

Sem dúvida, a demonstração dos impostos pagos oferece aos brasileiros a oportunidade de saber o quanto pagam, e, o pior: não recebem nada em troca em termos de saúde, segurança, transportes. Passou da hora do nosso dinheiro ser usado com responsabilidade por seus representantes, os quais são obrigados a prestar contas do que foi arrecadado via injunção tributária.

As empresas que não se adequarem à nova regra podem ser multas por Procon estadual, utilizando-se das previsões do Código de Defesa do Consumidor. As multas vão de R$ 212,82 a R$ 3.192.300,00.

O Brasil, após a edição dessa lei, se coloca ao lado dos países mais desenvolvidos do mundo, que já têm essa prática há muito tempo. A conscientização da população sobre a carga tributária que ela paga como consumidora final de mercadorias e serviços é de fundamental importância para a devida cobrança do retorno desses recursos para os contribuintes, em forma de investimentos na melhoria da qualidade de vida dos brasileiros.

Infelizmente, não há uma campanha, por parte do governo federal, para informar aos brasileiros sobre a obrigatoriedade dos tributos serem informados na nota. Então, o que podemos dizer aos consumidores é que peçam a Nota Fiscal, verifiquem se os valores dos tributos estão sendo demonstrados e denuncie ao Procon caso isso não esteja sendo feito. Essa atitude nada mais é do que o exercício de cidadania inerente a cada pessoa, que tem o direito dessa informação e também o dever de exigir a correta aplicação dos tributos recolhidos aos cofres públicos”. (Do blog de João Elói Olenike)

A hora é de conscientização!

seu voto tem consequencia

Precisamos conhecer quem são os
nossos candidatos antes de votar!

A política é uma arte e, como arte que é, tem de cada um uma visão diferente. Há quem tenha de uma tela, um quadro, em se falando de outra arte, um tipo de avaliação e outras pessoas, da mesma posição em que foi vista pela outra pessoa, vê tudo diferente… Assim é na política: uns veem de um jeito e o outro lado, de outro…

Comecei este artigo desta maneira para que possam entender a minha visão sobre o que acontece na cidade em que moro, onde sou Cidadão Honorário; título que prezo e respeito, pois me foi conferido pela Câmara de Vereadores de Ipanema por unanimidade de votos, em 1995! Hoje, com todo o respeito que tenho pelos nossos parlamentares ipanemenses, discordo de uma série de atitudes que são tomadas e praticadas na Casa do Povo… Mas não é sobre isso que quero falar, agora.

Quando da campanha para eleger o atual prefeito de Ipanema, todos os que trabalharam o fizeram em respeito a dois cidadãos nascidos aqui e que tinham, de acordo com o que pregavam durante toda a campanha, condições de dar um novo rumo no município. Seria uma nova maneira de administrar, principalmente por serem ambos os de uma mesma árvore familiar… Eram dois homens que se propunham a trabalhar em prol da sua terra natal, sem medir esforços… Iriam juntar as idéias e ideais para dar uma nova destinação ao município que, há muito tempo, não tinha qualquer vislumbre de progresso e de organização.

Quase tudo vinha sendo feito de qualquer maneira, sem planejamento, com denúncias de fraudes, superfaturamento de obras, conivência com atos indignos e muitas coisas mais que fizeram as manchetes de jornais por muito tempo… A política, de verdade, na prática, não existia; imperava, sim, a politicagem, a falta de compromisso com o cidadão ipanemense que estava jogado ao léu, “sem eira e nem beira” .

Hoje, passados quase oito de governo, alguns personagens da turma que estava num mesmo barco, remando num mesmo sentido e direção, deixaram fazer água no barco… Acho, até, que faltou a quem estava se sentindo desligado do corpo do barco e que estava remando em sentido contrário, procurasse se direcionar e ouvir a voz de quem comanda o barco. Ouvir os que querem remar contra poderia fazer o barco virar, e se ele virasse, com certeza quem cairia na água seria quem estava remando em sentido contrário…

Ouvir quem não tem cabedal político, na minha visão, é perder terreno. Quem não tem outra atividade a não ser a de se locupletar do que pode lhe ser oferecido como migalhas em troca de puxa-saquismo, subserviência e imbecilidade, só pode atrapalhar quem poderia estar num pedestal bem mais alto…

Não sei se me faço entender, mas o que estava acontecendo em Ipanema era conversa de porta de botequim, nos pontos de ônibus e nas cidades vizinhas. E o pior disso tudo é que estavam desestabilizando o lado fraco da situação. Quem estava por trás do que acontecia em Ipanema sabia muito bem o que estava fazendo: se desfizesse o conjunto do governo atuante, iria dar força para quem menos se deseja que o faça, justamente os adversários.
Adversários estes que sabem jogar com o que tem em mãos: a palavra ferina, o jogo de interesses, as palavras mentirosas, os enganos…

É sabido na cidade que as coisas que aconteceram nas eleições passadas, deram uma definição de quem é quem, através dos candidatos a deputado federal e estadual no município… E nisso, para a maioria, não houve engano nenhum.

Os nomes que foram sendo jogados para o eleitorado, mesmo que discretamente, começaram a dar uma definição em quem o povo iria votar. E muita gente, ao tomar conhecimento da realidade, pensou duas vezes antes de dar o seu voto.
Votar em quem está trabalhando é muito melhor do que votar em quem não trabalhou e só enganou a quem neles acreditou…

O povo já não mais é bobo e nem vai mais atrás de conversas que não levam a nada. Vejam as promessas que foram feitas ao longo de muitos anos e que nunca foram cumpridas. Vejam as obras que foram iniciadas e não terminadas… As verbas para realizar vinham, mas cadê as obras que foram feitas?
Ficou provado, ao longo dos anos que, quando se administra o dinheiro que o povo paga de impostos se consegue fazer muita coisa, com relação à saúde, educação, obras e bem estar da população…

Não há porque falar contra adversários. Nossa cidade é bonita, muito mais do que as mais bonitas de toda a região e a mais bonita do interior mineiro; nossas ruas sempre limpas, nossas escolas com professores capacitados e alunos bem cuidados, com transporte de qualidade, alimentação, computadores e muito mais é o que o povo quer, em troca do que paga, mesmo que não queira.

Está na hora de parar de ouvir quem não tem nada a oferecer. Precisamos de políticos sérios e comprometidos com o bem estar de sua comunidade.
Não importa de que partido seja o político. O que importa para todos nós é que quem for eleito em outubro próximo, queira fazer bem feito para receber o agrado da população.

Para isso, para o eleitor poder cobrar, tem que aprender a votar e votar conscientemente; saber quem é o candidato que pediu o seu voto: se é de boa índole, se tem uma família, se é respeitado na sua comunidade, se tem planos para seu mandato caso seja eleito, se seu comportamento na sociedade é bom, se tem cultura adequada para assumir um cargo de alta importância no seu município, seja vereador ou prefeito.

Precisamos acabar com os votos encabrestados por uma bolsa de alimentos, uma telha, tijolos e por aí vai, pois isso só beneficia meia dúzia de aproveitadores e prejudica os demais… E tem mais: quem vende o seu voto não tem direito de fazer cobranças pois está sujeito a ouvir coisas como “não vou fazer o que me pede porque paguei pelo seu voto”… e isso aconteceu aqui na cidade!

É hora de raciocinar e começar a analisar cada um que peça o seu voto… A campanha eleitoral terá início no dia 16 de agosto e dura este ano só 45 dias, a propaganda eleitoral no rádio a nas TVs tem início no dia 26 de agosto!
Vamos nos conscientizar e fazer valer o nosso voto para sermos bem representados! (Buragula – Claudio Vianei)

“Sonhos Reais”: Feito com uma câmera!

“Sonhos Reais”: O filme de uma só câmera!
MANHUAÇU É CENÁRIO DE CINEMA ÉPICO.

Teógenes Nazaré, cineasta mineiro de Manhuaçu (é, também, radialista), conta a história de José do Egito. Com apenas uma câmera, faz um belo trabalho cinematográfico e produz o primeiro filme épico no Brasil narrando o antigo testamento. Ele foi o pioneiro!

Com apenas uma câmera na mão, uma ideia na cabeça e sem dinheiro, o cinegrafista Teógenes Nazaré, contou com a participação de mais de quinhentos moradores da própria cidade atuando como atores voluntários, para implementar uma grande obra jamais vista na história do cinema .

O filme ”Sonhos Reais”, é baseado na emocionante história de José do Egito. A saga é contada através de uma velha Bíblia encontrada em uma lixeira por um menino de rua que, em seguida, encontra um velho mendigo que lhe conta uma história emocionante: a de José do Egito Egito.

Como surgiu a ideia…
Teógenes Nazaré arriscou para fazer um filme sem orçamento e usou de criatividade e muito material de reciclagem, produzindo cenários, figurinos e a trilha sonora original, que vem arrancando elogios de cineastas, jornalistas e usuários de internet. A entrevista com trailer oficial do filme foi lançado no youtube, e está disponível para qualquer pessoa que queira saber mais sobre o projeto.

Teógenes Nazaré -diretor e produtor do filme- em entrevista pela primeira vez desde que iniciou as gravações, disse que a ideia para o filme surgiu quando comprou sua primeira câmera (uma Panasonic VHS). Com ela começou a fazer reportagens para ajudar famílias e entidades carentes através de um programa de solidariedade na TV local. Percebendo que as necessidades eram ainda maiores, resolveu em 2003 reunir pessoas voluntárias de todas as classes sociais da própria cidade para fazer um filme. Por se tratar de um projeto de ajuda humanitária, já concluídas as gravações em 2011, Nazaré esperava apoio de recursos para uma boa edição e lançamento do trabalho. Esses recursos foram finalmente conseguidos através de alguns empresários, liderados por Laurentino Xavier, através de uma conversa com Paulo Timóteo, um dos atores voluntários.

No ano de 2011, Teógenes Nazaré disse ” tivemos a satisfação de receber uma equipe da Rede Record Minas, para divulgação nacional, coisa que não aconteceu… aí, continuamos na expectativa de ajuda de alguma pessoa enviada por Deus… e foi o que aconteceu!”.

O filme está agora em fase de acabamento e
breve teremos mais informações sobre a obra!

Quem é Teógenes Nazaré (por Claudio Vianei)
O Téo, como os amigos o chamam, é um cara polivalente. Ele é músico (dos bons), vocalista, cinegrafista, radialista, repórter entre outras atividades, além de ser respeitado ma comunidade por ser um prestador de serviços à comunidade.
Trabalhamos juntos na Rádio Manhumirim nos anos 1986, na Rádio Manhuaçu fomos colegas na emissora, seu programa comunitário na TV Catuaí fez história resolvendo problemas sociais os mais diversos.
Para o Téo desejo o sucesso que ele merece, não só pela criatividade, vontade de acertar e de dar oportunidades. Que seu filme aconteça e seja o sucesso que nós queremos que seja.

Quanto deve ganhar um vereador?

--- dinheiro-salario-vereadores

Qual deve ser o salário dos vereadores e do prefeito?

O que vemos sempre são os políticos legislando em causa própria, aumentando seus salários de forma absurda e vergonhosa, e isso no pais que passa por momentos difíceis na sua economia e que sofre com uma desigualdade social enorme.

A verdade é que ser político virou profissão, o que não deveria ser… Só no Brasil políticos tem o que chamam de “imunidade parlamentar”, “foro privilegiado”, o que lhes dá condições de executarem suas tramoias, roubos e falcatruas várias, e ficarem impunes pelos crimes cometidos enquanto parlamentares forem.

A classe política no país virou piada até no exterior, quando humoristas usam as diversas situações idiotas dos nossos representantes políticos, desde meros vereadores até mesma com quem preside o país. Isso acontece em Israel, nos Estados Unidos, na França, na Alemanha, na Inglaterra e por aí vai… E os políticos brasileiros nem se tocam, não tem vergonha do que acontece com seus nomes que são enxovalhados, criticados, ofendidos, até, mas, ao que parece, isso para eles não representa coisa alguma…

Iniciamos uma campanha há alguns dias para que vereadores em Ipanema passem a ganhar o que ganham os professores do município, uma vez que a maioria deles não tem, sequer, o segundo grau completo e o professor, apesar de ter que cursar uma faculdade e se especializarem em alguma matéria para poder dar aulas, ganha menos da metade do que ganha um vereador na cidade.

Face a isso, também, é que achamos justo que um vereador não ganhe tanto para, na maioria dos casos, só aparecer para o eleitor em época de campanha eleitoral, quando deixa sua “hibernação” para pedir votos aos que em outra eleição prometeu “mundos e fundos” para arrebanhar votos, mas não cumpriu e só aparece nas reunões da Câmara de 15 em 15 dias e não apresentam qualquer projeto que venha beneficiar quem neles votou…

Isso é fácil de comprovar pois basta dar uma volta pelo município para saber a opinião das pessoas a respeito de vereador em que elas votaram. A grande maioria das pessoas questionadas dizem sempre a mesma coisa: “eles só aparecem aqui para pedir votos e depois a gente não os vê mais!”. O Quinzinho, lavrador, com seu sítio no Cobrador, disse que, na época da campanha para eleições de 2010, recebeu a visitas de quase todos os candidatos em sua casa, mas que nenhum deles voltou lá após as eleições, mas já sabe que breve estarão em sua propriedade, novamente, pedindo votos…

Por tudo isso e mais alguma coisa é que os nossos políticos estão a cada dia que passa mais desacreditados em suas palavras e ações, sem falar nas promessa que fazem, mas nunca cumprem.

A culpa por tudo isso cabe, sem dúvida, ao eleitor que vota em pessoas sem a devida qualificação para exercer um cargo político… Ninguém procura saber a índole de cada candidato, saber se tem família, se é honesto nas suas ações e no seu dia a dia com a comunidade em que vive. No dia em que o povo aprender a votar, podem crer, nosso país será diferente…

Gente honesta e que poderia fazer algo de bom para o município existe, sim, só que não se aventura entrar na política pois, com toda certeza, vai ter seu nome incluído entre os que são bandidos políticos e passarão a ser olhados como corruptos, levando vantagem aqui e ali, facilitando isso ou aquilo para seus parceiros… aí, eles não se arriscam!

Então, voltando aos “salários dos políticos”, acho que cada um de nós deve dar atenção a isso e, quando da votação dos novos salários dos vereadores em nossa cidade, todos deveriam fazer como em outras cidades onde vereadores tentaram aumentar seus salários para R$ 7 mil, a pressão popular no dia da votação fez com que voltassem para R$ 880, ou seja, um salário mínimo, que foi aprovado por unanimidade pelos vereadores da cidade de Oliveiras, em Minas Gerais…

Por que Ipanema não pode fazer o mesmo?

Por conta disso já circula na net um abaixo assinado para que
os salários dos políticos de Ipanema acompanhem o salários dos professores ou de um trabalhador que labuta 8 horas diárias
para receber mísero salário mínimo no final do mês!